Endodontia

0002058002TT-849x565

A Endodontia (desvitalização) é a especialidade que visa o estudo da polpa dentária, do tecido periapical e dos canais radiculares, ou seja, é a especialidade que cuida do interior do dente. A polpa, que é a parte do dente onde ficam as terminações nervosas e a irrigação sanguínea do dente, é a parte de interesse desta área da odontologia.

Se a câmara de um dente estiver infectada por uma cárie ou sofreu um impacto, em alguns casos, a única forma de tratar o dente é através desta especialidade.

Quando a cárie atinge a polpa só existem duas opções: desvitalizar ou extrair. Numa cárie profunda ou provocada por outros ferimentos os tecidos moles de um dente podem ser infectados. No tratamento endodôntico, o dentista remove o tecido danificado ou infectado substituindo-o por um enchimento especial que suportará a estrutura dentária restante.

Situações em que se fazem desvitalizações:

– Quando uma cárie está próximo do nervo do dente e a pessoa sente dor;

– Em dentes anteriormente restaurados, posteriormente fracturados e cujo diagnóstico seja uma coroa fixa de cerâmica sobre dente.

– Em dentes parcialmente destruídos cuja reconstrução exige um espigão (pequeno parafuso de metal ou de fibra de vidro) para melhor reter a restauração;

– Quando se tem muita sensibilidade com o frio ou com o calor;